Menu do Blog: Nicho em Tópicos

Definir o nicho sob um menu de tópicos traz vantagens para o blogueiro, para seus leitores e para a relação entre os dois.

9 VANTAGENS DO NICHO EM TÓPICOS

ADMINISTRAÇÃO DO NICHO

As funções administrativas (planejar, organizar, executar e controlar) tornam-se mais fáceis.

A visão panorâmica do menu de tópicos impede que o blogueiro fique focado em pontos específicos e esqueça o resto do nicho (uma ocorrência comum entre os iniciantes).

GERAÇÃO DE IDÉIAS

A geração de idéias se intensifica sem extrapolar as fronteiras do nicho.

Quer escrever um novo artigo rapidamente? Escolha um tópico do menu, pesquise-o na blogosfera, leia os artigos e os comentários dos leitores e de imediato um roteiro de escrita se cria em sua mente.

ROTEIRO VISUAL PARA OTIMIZAÇÃO

O universo restrito do nicho (visualmente delimitado pelo menu) permite o retrabalho permanente sobre seu conteúdo, fortificando os pontos fracos e otimizando os pontos fortes. 

PROJEÇÃO DE ESPECIALISTA

A otimização criará uma obra-prima da informação construída do profundo conhecimento da blogosfera do nicho e da contínua reciclagem do blogueiro na linha do tempo.

A conseqüência imediata é o nascimento de um especialista, seja você quem for, tenha o grau de estudo que tiver.

ROTEIROS PARA CRIAÇÃO DE EBOOKS

Você pode determinar os roteiros para a elaboração de vários ebooks partindo dos tópicos do menu, definindo o nível de especificidade que os ebooks terão através da profundidade em que os tópicos são colhidos.

EVOLUÇÃO CONTÍNUA POR INCREMENTO

Trabalhar sob tópicos de menu é lúdico.

O menu é um beta eterno e pode ser tratada como um diário onde você conecta ininterruptamente novas informações que podem ser disponibilizadas de maneira informal para seu público.

VISÃO E COMPREENSÃO PANORÂMICAS

Um menu de tópicos define e expõe a proposta de seu blog de forma clara e panorâmica aos seus leitores, estabelecendo a cumplicidade e capturando a fidelidade de forma instantânea.

NAVEGABILIDADE E USABILIDADE

O menu é, de forma natural, uma ferramenta de navegabilidade e usabilidade.

ESPECIALIZAÇÃO COMPARTILHADA

O menu define seu nicho e direciona seus esforços para ele. Ele força a especialização e, simultaneamente, doa essa especialização ao público, projetando o blogueiro como perito do nicho.

COMPARTILHAMENTO PARCELADO E COMPILADO

Através do menu, você pode orientar, conduzir e entregar o conhecimento de forma parcelada e nas condições do leitor.

Um menu com links permite ainda compilar, listar e distribuir as melhores referências sobre os temas pesquisados.

ATRAIA CONHECIMENTO

É perturbador escrever artigos para um blog com a sensação de que eles são como folhas ao vento. Os textos não se encaixam, não possuem porto seguro.

CONHECIMENTO AVULSO ATRAI AUDIÊNCIA DESMEMORIADA

É o que normalmente ocorre com os blogueiros iniciantes: escrevem conteúdos avulsos que pontilham um nicho indefinido e que corresponde a um público disperso e desmemoriado.

“Seus” leitores não se lembram de seu blog.

O MENU FORTALECE A MEMÓRIA DA AUDIÊNCIA

O levantamento do tópicos do menu do nicho escolhido é a primeira coisa que um blogueiro deveria fazer para evitar essa dispersão. Mas não o faz.

Eu mesmo não o fiz no começo. Isso é natural no aprendiz, já que seu conhecimento é escasso no início.

O CONHECIMENTO SE CONSTRÓI SOBRE SI MESMO

O conhecimento se constrói sobre ele mesmo.

O mesmo ocorre com o menu. À semelhança do enigma do ovo e da galinha, o fato é que, sem conhecimento, não é possível construir um menu.

VÁ ATRAINDO E ARTICULANDO O CONHECIMENTO

À medida que pesquisamos a blogosfera de nosso nicho ou lemos publicações sobre o tema, os tópicos do menu vão eclodindo naturalmente.

Os encaixes desses tópicos em seus ramos e troncos devem ocorrer simultaneamente à aquisição do conhecimento.

Nessa fase, a geração de conteúdo é importante, mas a construção do menu é mais importante ainda; aliás é urgente.

O CONHECIMENTO VISTO DE CIMA

É mais fácil conhecer uma cidade através de um mapa. Também é mais fácil conhecer um nicho através de seu mapa, o menu.

Procure elevar seu ponto de vista de modo a abarcar todo o conteúdo do seu nicho. Não se restrinja a acumular conhecimento, mas procure articular as peças desse conhecimento para obter a visão panorâmica daquilo que você se propôs a aprender.

A ÁRVORE DO CONHECIMENTO DE SEU NICHO

Gerar um bom menu é uma tarefa contínua. Ele possui raiz, troncos, ramos e folhas; compreendendo-se por raiz os assuntos mais gerais e, por folhas, os mais específicos.

A RAIZ DO SEU NICHO

Não é proibido, no início, gerar artigos específicos para o blog (folhas e ramos), mas as conexões tópicas devem ser levantadas o mais breve possível para evitar o desnorteamento, tanto seu quanto dos seus leitores.

Quanto mais cedo a raiz for encontrada, melhor. Caso contrário, as vantagens expostas na seção anterior estarão prejudicadas.

CONCLUSÃO

Definir o nicho de um blog sobre a estrutura de um menu de tópicos só traz vantagens, especialmente administrativas, criativas e evolutivas.

O conhecimento se constrói sobre si mesmo. Atraia todo o conhecimento sobre seu nicho, articule-o e encontre o cerne dessa árvore de tópicos que compõe seu nicho.

E VOCÊ?

Já percebeu que o velho conhecimento gera o novo conhecimento quando atravessa sua mente? Seu blog tem um menu? Qual é o cerne do conhecimento que você gera? Compartilhe suas ideias e experiências nos comentários abaixo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.