99 Conceitos Ilustrados de Hospedagem

Tempo de leitura: 17 minutos

Resolvi pesquisar sobre hospedagem para escrever a respeito do assunto para vocês, mas o que encontrei foi uma sopa de letrinhas: siglas, conceitos e ferramentas abstratas que dificultam demais a compreensão desse seguimento do nosso nicho e deixa a gente “boiando”.

Não sou fã de tecnicismos e considero essa postura vantajosa para o público deste blog. No entanto, vez ou outra, uma camada de conceitos é forçosa. Desculpem o artigo longo.

Decidi, então, criar este pequeno glossário ilustrado e intuitivo (até onde deu) para ajudar vocês a começar a falar “hospedês” (se já não o falam) e prepará-los para futuros artigos sobre hospedagem. Esse conhecimento (junto com o conceito de domínio) é importante tanto para aqueles que desejam adquirir uma hospedagem, quanto para aqueles que irão migrar ou atualizar sua hospedagem.

Montei uma lista rápida e ilustrada que explica de maneira lúdica e instantaneamente os conceitos em sua mente. Os significados que dependem de definições anteriores foram colocados próximos uns dos outros. Caso você queira saber mais sobre cada verbete, clique nos links “Saber Mais” e “Wikipedia” que adicionei a cada item.

Use CTRL+F para pesquisar neste artigo.

► Confira também as análises dos provedores de hospedagem e descubra qual a Melhor Hospedagem de Sites para você.

15 Razões para Você Registrar seu Domínio Próprio Personalizado

CLIENTE

Qualquer programa em seu PC (por exemplo, o navegador) que faz solicitações a um servidor na Web. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

pc-computador-cliente

HOST

Computador conectado a uma rede de computadores. Ele hospeda sites, blogs e aplicativos na Internet. É um computador como qualquer outro, só que mais poderoso. O termo “servidor” (ou “servidor Web”) refere-se ao programa instalado no host, daí a confusão em tomar os dois termos como sinônimos. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

servidor-server-web

HTTP

Protocolo (regras) que estabelece a comunicação e transferência de dados entre computadores clientes (navegador) e servidores (servidor web) na Internet. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

http-servidor-cliente

HTTPS

Implementação do HTTP com conexão segura, criptografada e autenticada com certificados digitais. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

https-seguranca-cadeado

SERVIDOR

Programa residente em computadores na Web e que servem às solicitações dos programas clientes. Existem servidores de banco de dados, servidores de arquivos, servidores de email, servidores de jogos, servidores Web, etc. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

client-server-servidor-cliente

SERVIDOR WEB

Programa residente no host e que recebe pedidos HTTP dos computadores-clientes (via navegadores) e responde também por HTTP, devolvendo página HTML, por exemplo. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

servidor web

APACHE

Servidor Web HTTP mais bem sucedido da história. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

apache-server-http

HOSPEDAGEM

Serviço oferecido por empresas provedoras que consiste em 1) espaço para guardar informações digitais (textos, imagens, videos e outros arquivos) e 2) conexão com a Internet. Sinônimo de alojamento. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

hospedagem

TIPOS DE HOSPEDAGEM

Há alguns tipos de hospedagem: 1) grátis, 2) compartilhada, 3) Revenda, 4) VPS, 5) Cloud, 6) Servidor Dedicado, 7) Colocation. Quanto mais cara a mensalidade, melhor a qualidade. Veja uma escala relativa de preços de mensalidades. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

tipos-hospedagem

HOSPEDAGEM COMPARTILHADA

Tipo de hospedagem onde os recursos computacionais (espaço, memória, banda, processador) são compartilhados por vários sites alocados em um mesmo servidor. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

hospedagem-compartilhada

REVENDA DE HOSPEDAGEM

Tipo de hospedagem para quem quer, a princípio, revender hospedagem. [Wikipedia]

 

revenda-hospedagem

HIPERVISOR

Programa que cria e executa máquinas virtuais. Com ele é possível executar vários sistemas operacionais em um mesmo computador ou criar vários servidores web em um servidor físico. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

hipervisor

XEN

É um hipervisor livre e popular utilizado em servidores web para criar servidores virtuais. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

xen panda

OPENVZ

Não é um hipervisor, mas uma virtualização que permite a execução simultânea de múltiplas instâncias do sistema operacional Linux (containers) e de Servidores Virtuais Privados (VPS).  [Saber Mais] [Wikipedia]

 

openvz

HOSPEDAGEM VPS

VPS significa Virtual Private Server (Servidor Virtual Privado). Tipo de hospedagem onde se simulam servidores dedicados, obtendo-se um serviço bem melhor do que uma hospedagem compartilhada. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

VPS-virtual-private-server-node

NODE

Servidor dedicado que hospeda VPS´s. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

node-vps

HOSPEDAGEM COM SERVIDOR DEDICADO

Tipo de hospedagem onde todos os recursos computacionais do servidor são reservados (dedicados) a um site somente. [Saber Mais] [Wikipedia em inglês]

 

hospedagem-servidor-dedicado

DATA CENTER

Local onde os hosts de hospedagem se localizam. São equipados com segurança, sistemas redundantes de energia elétrica, ar condicionado e backup. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

Data Center da Google

REDUNDÂNCIA

Duplicação da infraestrutura do sistema de hospedagem (discos, servidores, data centers, energia elétrica, ar condicionado) para garantir sua disponibilidade em caso de falhas. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

redundancia

ARQUITETURA

Especificação das partes e componentes de um computador, as relações entre esses itens e também a lógica existente no todo. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

 

arquitetura-computadores

TOPOLOGIA

Maneira como a rede de computadores se organiza. Por exemplo, arquitetura cliente-servidor e arquitetura ponto-a-ponto. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

arquitetura-topologia-cliente-servidor-ponto-ponto

PAINEL DE CONTROLE (PANEL)

Software (painel) oferecido ao usuário pelo serviço de hospedagem para controlar seus recursos (gerenciar pastas e arquivos, fazer transferências FTP, criar contas de emails, criar banco de dados, instalar aplicativos, etc). Exemplos de painéis do mercado: cPanel, DirectAdmin, Plesk, InterWorx, H-Sphere, etc. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

panels cpanel directadmin plesk interwork h-sphere

CPANEL

Painel de controle popular para você gerenciar seu site ou blog hospedado na Internet. O cPanel vem junto com a hospedagem. Com ele, você envia arquivos, cria emails, gerencia banco de dados, administra os domínios e subdomínios, etc. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

cpanel

WHM

Web Host Manager (Gerenciador de Hospedagem Web). Painel de controle para provedores de hospedagem gerenciarem as contas do servidor. [Saber Mais – Utilize usuário ‘”demo” e senha “demo“]

 

whm

WHMCS

WHM Complet Solution (Solução Completa em Gerenciamento de Hospedagem Web). Ferramenta para gerenciamento de empresas de hospedagem. [Saber Mais]

 

whmcs-logo-tela

AWSTATS

Serviço dentro do cPanel que permite a você visualizar inúmeras estatísticas referentes ao seu blog ou site. [Saber Mais]

 

awstats

WHOIS

Protocolo utilizado para consultar dados de contato referentes a domínios e IP. É possível acessar dados administrativos, técnicos e pessoais. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

internet-privacidade

BANCO DE DADOS

Conjunto de informações com relações entre si, por exemplo, os posts, as categorias e os comentários em seu blog. É representado universalmente por um cilindro. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

banco de dados

SGBD

Significa Sistema de Gerenciamento de Banco de Dados. É o conjunto de programas que gerencia a base de dados. A sigla em inglês é DBMS (Data Base Management System). Confunde-se com o termo “banco de dados”. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

SGBD DBMS

BANCO DE DADOS RELACIONAL

Banco de dados implementados com tabelas e com relações entre elas, como é o caso do WordPress. Veja abaixo algumas tabelas do WordPress. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

banco-dados-relacional-wordpress

SQL

Linguagem utilizada para realizar consulta em bancos de dados relacionais. SQL é Structured Query Language (Linguagem de Consulta Estruturada). Veja abaixo um exemplo de consulta em SQL. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

sql-select

MYSQL

É um SGBD (Sistema de Gerenciamento de Banco de Dados ou DBMS) que utiliza SQL. É o o gerenciador de banco de dados de código aberto mais popular do mundo. [Saber Mais] [Wikipedia]

MySQL

phpMyAdmin

Programa para administar o MySQL através da Internet. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

CÓDIGO ABERTO

Software livre. Software distribuído livremente com o código fonte aberto ao público e com permissão para criação de trabalhos derivados. Código aberto não é software livre? [Saber Mais] [Wikipedia]

 

código aberto

POSTGRESQL

Sistema de Gerenciamento de Banco de Dados (SGBD) de código aberto. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

postgresql

BACKUP

Cópia de segurança, geralmente dos bancos de dados. Um servidor de hospedagem deve garantir backups. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

backup server

CDN

Content Delivery Network (Rede de Entrega de Conteúdo), é um sistema de servidores que possui o objetivo de distribuir um mesmo conteúdo entre vários servidores, otimizando o desempenho e o acesso a esse conteúdo. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

cdn servidores distribuicao

CLOUDFARE

CDN de alta qualidade que aumenta a segurança e a velocidade de carregamento do servidor. [Saber Mais]

 

cloudflare

SISTEMA OPERACIONAL

Programa que gerencia os recursos do computador (processador, memórias, discos, periféricos, etc), disponibilizando-os ao usuário por meio de uma interface compreensível ao ser humano. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

sistema-operacional

UNIX

Sistema operacional multitarefa e multiusuário lançado em 1969. [Saber Mais] [Wikipedia]

unix

GNU

Sistema operacional tipo UNIX. [Saber Mais] [Wikipedia]

gnu

GPL

General Public Licence. Licença para software livre que prevê código aberto, readaptação do código e redistribuição livre. [Saber Mais] [Wikipedia]

gpl gnu

NÚCLEO, CERNE OU KERNEL

Componente do Sistema Operacional que fica mais próxima do hardware e o gerencia. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

sistema-operacional-kernel-nucleo

LINUX

Qualquer sistema operacional que utiliza o núcleo Linux, desenvolvido por Linus Torvalds. O pinguim, chamado Tux, é a mascote do Linux. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

linux-tux

CENTOS

Distribuição livre do sistema operacional Linux utilizada também em servidores de hospedagem. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

centos

UBUNTU

Sistema Operacional de código aberto construído a partir do núcleo Linux. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

ubuntu

CLOUD COMPUTING

Significa Computação em Nuvem. Nessa abordagem, os aplicativos, a memória e o processamento não estão no PC que você usa, mas na Internet. Exemplo, Google Docs. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

cloud-computing-computacao-nuvem

PROTOCOLO

Conjunto de regras e especificações que regulam a transmissão de dados entre computadores e entre programas. Por exemplo, FTP, TCP, IP, PPP. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

protocolos internet

IP

Internet Protocol. É o protocolo responsável pelo endereçamento e encaminhamento dos dados entre computadores da rede. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

ip correios

ENDEREÇO IP

Endereço numérico que identifica um computador, dispositivo ou site na Internet. Exemplo: 145.10.34.3. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

ip-address-endereco

ENDEREÇO IP COMPARTILHADO

Um único endereço IP utilizado por vários sites hospedados em um mesmo servidor. [Saber Mais]

 

ip-compartilhado-shared

DOMÍNIO (NOME DE DOMÍNIO)

Nome que identifica individualmente um site na internet. Por exemplo, www.seusite.com. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

seusite-com

SUBDOMÍNIO

Ramificação do domínio principal que encaminha o usuário a um diretório ou serviço específico dentro do seu site. Por exemplo, forum.seusite.com encaminha para o fórum de discussão. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

subdominio

DOMÍNIO ESTACIONADO OU DOMÍNIO PARQUEADO (PARK DOMAIN)

Domínio registrado, mas não utilizado, sendo reservado para uso futuro, proteção da marca ou simplesmente aponta para um site com domínio semelhante. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

dominio-estacionado-park-dominio

DOMÍNIO SUPLEMENTAR OU DOMÍNIO ADICIONAL

Domínio que aponta para outro site (um subdiretório) dentro da mesma hospedagem. Você configura domínios suplementares no cPanel. [Saber Mais]

 

dominio-suplementar-adicional

DNS

Domain Name System (Sistema de Nomes de Domínio). Sistema que gerencia e converte (resolve) nomes de domínios em endereços IP. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

DNS Nome de Dominio Endereco IP

NAMESERVER (NS)

Endereços DNS que conectam o nome de domínio à empresa de hospedagem. Geralmente são dois ou três. Por exemplo, ns1.viahospedagem.com.br. [Saber Mais]

 

nameserver

REGISTROS A

Parâmetros do DNS que efetivamente associam nomes de domínios ao endereço IP do servidor de hospedagem. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

registro-dns-tipo-a

CNAME (CANONICAL NAME)

Parâmetros do DNS que criam apelidos (alias) para nomes de domínios. O apelido redireciona para o domínio. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

cname

CRON JOBS

São tarefas agendadas. É um recurso do cPanel que permite agendar tarefas repetitivas como, por exemplo, fazer backup de seu banco de dados ou eliminar arquivos temporários. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

cronjob

DAEMONS

Programas que rodam continuamente por baixo (background) do sistema e aguardam alguma requisição a ser cumprida. Por exemplo, o daemon httpd roda o tempo todo no servidor, aguardando requisições dos computadores clientes. Os cron jobs também são daemons. Uma boa analogia seria comparar um daemon a um pardal de trânsito. [Wikipedia]

 

pardal-transito

UPTIME

Quantidade de horas que o servidor que hospeda seu site fica no ar sem interrupções durante um ano. A promessa de um uptime de 99,9% é comum pelas empresas de hospedagem, que garantem que seu site ficaria apenas 9 horas/ano fora do ar. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

uptime-999

DOWNTIME

Oposto de uptime. Tempo que o servidor está fora do ar. [Saber Mais] [Wikicionário]

 

downtime

ESCALABILIDADE

Capacidade de seu servidor de hospedagem em suportar e adaptar-se ao crescimento de seu blog, mesmo que você pague mais por isso. [Saber Mais] [Wikipedia]

crescer

ESPAÇO EM DISCO

Total de espaço, em Megabytes ou Gigabytes, disponível no servidor para alojar seu site ou blog. Visível no cPanel. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

espaco-disco-cpanel

TRANSFERÊNCIA MENSAL DE LARGURA DE BANDA

Quantidade total de dados que fluem durante o mês de seu site para os computadores de seus leitores ou usuários. Visível no cPanel. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

Transferência Mensal de Largura de Banda

TRÁFEGO ILIMITADO

Propaganda falaciosa das empresas de hospedagem. Os que estas empresas oferecem na verdade é uma largura de banda que raramente o tráfego do site conseguirá esgotar. [Saber Mais] [Saber Mais]

 

Tráfego Ilimitado

EXIM

Sistema de email utilizado em servidores UNIX. [Saber Mais] [Wikipedia]

exim

SCRIPT

Livremente falando, script é sinônimo de “programa” ou “rotina“. É um sequência de instruções para executar alguma tarefa. Pode ser simples como um script que retorna a hora atual ou complexo como o WordPress, que também é um script. [Saber Mais] [Wikipedia]

script

FANTASTICO DE LUXE

Auto-instalador de scripts populares e grátis que vem com o cPanel (ou outro painel), se o serviço de hospedagem oferecer. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

fantastico-deluxe

SOFTACULOUS

Outro auto-instalador de scripts semelhante ao Fantastico De Luxe. Quando escrevi este artigo, o Softaculous contava com mais de 290 scripts. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

Softaculous

CMS

Content Management System (Sistema de Gerenciamento de Conteúdo). É um aplicativo (script) utilizado para gerenciar conteúdo na Internet. Por exemplo: WordPress, Drupal e Joomla!. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

cms

WORDPRESS

CMS para criação de blogs e sites. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

wordpress-tela

PARÂMETROS DE URL

Variáveis passadas por uma página da Internet através de sua URL ou por meio de um formulário. É uma característica de páginas dinâmicas. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

parametros-cgi

CGI

Commom Gateway Interface. É um protocolo (regras) para envio e tratamento dos parâmetros passados ao servidor Web por meio da URL de uma página ou por meio de um formulário no intuito de executar uma solicitação do computador-cliente. O servidor web executa um script CGI para processar os parâmetros e devolve uma página HTML baseada nesses parâmetros. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

cgi

FASTCGI

É um CGI aprimorado e com melhor performance. Diferente de seu predecessor, que cria e destrói processos (ações do processador para executar o script) o tempo todo, o FastCGI mantém os processos sempre “vivos” e persistentes. Além disso, o FastCGI pode funcionar em servidor só seu. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

fastcgi

DSO

Dynamic Shared Objetc (Objeto Compartilhado Dinamicamente). São módulos funcionais linkados e acionados enquanto o servidor Web está sendo carregado. Confere flexibilidade e modularização. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

dso Dynamic Shared Object

PHP

Acrônimo de Hypertext Preprocessor (Pré-processador de hipertexto). É uma linguagem de programação instalada e interpretada em servidor web. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

MODOS DO PHP

Maneira como o PHP é executado. Por exemplo, 1) PHP como um módulo do servidor web (DSO), 2) PHP como módulo do CGI ou 3) PHP como um módulo do FastCGI. [Saber Mais]

 

fastcgi

PHP.INI

Arquivo de configuração do PHP que inicia junta com ele. [Saber Mais]

 

FTP

File Transfer Protocol (Procolo de Transferência de Arquivos). Protocolo (regras) para transferência de arquivos entre o computador-cliente e o servidor na Web. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

ftp-file-transfer-protocol

FILEZILLA

Programa mais popular de transferência de arquivos entre computadores cliente e servidores Web. Baixe grátis! [Saber Mais] [Wikipedia]

 

FileZilla-Logo

SSH

Secure Shell (concha segura ou túnel seguro). Programa e protocolo que permitem a conexão e a administração remotas a outro computador de uma rede. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

ssh

SCP

Secure Copy (cópia segura). Protocolo que cria um meio seguro para transferir arquivos entre hosts, usando SSH. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

SCP SSH

SFTP

SSH File Transfer Protocol ou Secure File Transfer Protocol (Procolo de Transferência Segura de Arquivos). É mais elaborado do que o SCP, fornecendo acesso, transferência e gerenciamento dos arquivos. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

SFTP

HDD E SSD

São dispositivos de armazenamento. O HDD é como o HD de seu computador, com pratos giratórios e agulha de leitura. O SSD é como seu pendrive e não possui partes mecânicas. O SSD é mais rápido, mais durável e mais caro. [Saber Mais] [Wikipedia/Wikipedia]

 

HDD-SSD

.HTACCESS

Arquivo que configura opções e permissões de acesso a diretórios. Seu alcance inclui somente o diretório onde se encontra e os subdiretórios. As configurações estabelecidas pelo arquivo .htaccess podem restringir acessos a diretórios, redirecionar URLs, mudar a página caso ela não seja encontrada, etc. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

htaccess

PROCESSO

Programa do computador em execução. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

processo em execucao

THREADS

Sub-divisões do processo executadas ao mesmo tempo. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

processo-thread

MPM – MULTI-PROCESSING MODULES

Módulos de Multiprocessamento do Apache. Esses módulos linkam portas e gerenciam as requisições feitas ao Servidor Web, disparando processos-filho para tratar as requisições. Módulos concedem flexibilidade ao Servidor Web. [Saber Mais]

 

mpm-multiprocessing-module-apache

MPM PREFORK

Tipo de MPM sem threads onde cada processo serve ou aguarda uma requisição de cada vez. Concede mais estabilidade e compatibilidade com programas mais antigos. [Saber Mais]

 

mpm-prefork

MPM WORKER

Tipo de MPM com threads onde cada processo serve ou aguarda múltiplas requisições simultaneamente. Concede escalabilidade. [Saber Mais]

 

mpm-worker

PROXY

Computador ou programa que fica posicionado entre o cliente e a Internet (Forward Proxy) ou entre a Internet e o Servidor Web (Reverse Proxy). Ele atua como filtro (segurança), memória cache (desempenho) e intermediário. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

proxy-foward-reverse

NGINX

O Nginx é um Servidor Proxy Reverso de alto desempenho que trabalha em conjunto com o Apache, aliviando o acesso à memória do Servidor Web e assumindo outras funções delegadas pelo Apache. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

nginx

VARNISH

O Varnish também é um Servidor Proxy Reverso que funciona como memória cache. O Varnish é um acelerador HTTP de código aberto. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

varnish cache

OVERSELLING

Prática de vender um serviço em quantidade maior do que a capacidade que a empresa pode fornecer. Sinônimo de sobrevenda. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

overselling

PERL

Linguagem de programação multiplataforma orientada a objetos bastante utilizada em desenvolvimento Web. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

perl

PYTHON

Linguagem de programação de sintaxe simples e orientada a objetos. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

python linguagem programacao

SPAMASSASSIN

Filtro de spam de código aberto da Apache. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

spamassassin

SPOF

Single Point of Failure. Significa “Ponto Único da Falha”. Local de um sistema que, quando falha, provoca a queda de todo o sistema. [Wikipedia]

 

ponto único de falha

SSL

Secure Sockets Layer (Camada de Soquetes Segura). Protocolo de criptografia que garante segurança às transferências de dados na Internet. [Saber Mais] [Wikipedia]

 

ssl

MAGENTO

Sistema de código aberto para e-commerce (lojas virtuais). [Saber Mais] [Wikipedia]

magento

10 Comentários


  1. Olá Walter, tudo bem amigo?

    Parabéns pela postagem como sempre nota 10. Dá para fazer um ebook com esta postagem sobre informática e criar uma lista, srsrs.

    Forte abraço,

    Jan

    Responder

  2. Excelente post ,super completo ,gostei muito da para aprender bastante coisa , parabéns se tiver uma versão em pdf por favor me envie .
    Obrigado

    Responder

    1. Olá, Flávio. Obrigado pelo comentário. A versão em PDF fica pra outra vez. Minha intenção foi criar um glossário básico para referenciar em outros artigos. Valeu.

      Responder

  3. Parabéns pelo post Valter. Com toda certeza ajuda bastante para pessoas leigas ou que não entendem muito bem o funcionamento de uma hospedagem de sites. Valeu

    Responder

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *